Primeira batida contra o provedor de IKS na Argentina

A polícia argentina de Buenos Aires executou três batidas simultâneos em 5 de junho de 2016, em um caso contra um fornecedor de IKS. O caso foi iniciado pela INTV em 2014. Na batida, foi apreendido um computador que foi submetido à análise de especialistas. Vários decodificadores, smartcards e antenas foram apreendidos nas batidas. O serviço IKS está inoperante desde o ataque.

Share this!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *