Alianza anuncia reestruturação e criação de comitê executivo para ampliar esforços no combate à pirataria

O primeiro presidente do Comitê Executivo da ALIANZA será Javier Figueras, vice-presidente corporativo de Relacionamento com Afiliados da HBO Latin America

MIAMI, 5 de setembro de 2019 Com o objetivo de apoiar futuras estratégias consolidadas para combater a pirataria de conteúdos, a organização contra a pirataria na televisão por assinatura ALIANZA (Contra Pirataria de Televisão Paga) anunciou hoje sua reestruturação, com a criação de um comitê executivo.

O comitê executivo será composto por representantes da HBO, DIRECTV, Discovery, ESPN, FOX, Globo e Turner. Este grupo de empresas de conteúdo, redes de televisão por assinatura e fornecedores de tecnologia na América Latina trabalhará em conjunto para criar uma ampla estrutura de colaboração contra a pirataria no setor. Para o primeiro mandato na presidência do comitê executivo da ALIANZA foi escolhido Javier Figueras, vice-presidente corporativo de Relacionamento com Afiliados da HBO Latin America. Os membros da ALIANZA são ABTA, CDF, DIRECTV Latin America, Discovery, ESPN, Fox, Globo, HBO Latin America, LaLiga, Nagra, SKY Brazil, Telecine, Turner e WinSports.

“Este é o momento de ampliar os nossos esforços contra a pirataria, uma prática que tem sido uma praga para toda a indústria do entretenimento – e que não dá sinais de enfraquecimento. Com a reestruturação da ALIANZA, fortaleceremos a união dos nossos membros e convidaremos outros membros do setor para unirem-se ao nosso esforço de combater a pirataria, proteger os nossos conteúdos e punir os criminosos que lucram às custas da indústria de criação de conteúdos”, disse Figueras.

A transmissão não autorizada de conteúdos de canais abertos, por cabo ou via satélite, além da retransmissão não autorizada desses conteúdos pela internet, é um problema para a indústria do entretenimento há muito tempo. Os prejuízos causados pela pirataria atingem bilhões de dólares, e afetam a capacidade de criação e a qualidade de futuros conteúdos, e o crescimento do setor como um todo. O impacto negativo da pirataria está comprovado: afeta a economia com a redução de empregos, diminui a arrecadação de impostos pelos governos e compromete a privacidade dos dados dos consumidores.

Share this!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *